quinta-feira, 4 de março de 2010

Carrancas na proa

Exemplo de carranca das braba que afasta qualquer espírito.

Sempre gostei de carrancas. Gostaria de ter uma dezena em casa, talvez, uma pendurada no retrovisor do carro, e outra minúscula o bastante para que pudesse levar comigo pra todo canto. As carrancas são muito comuns em lugares, em todo o mundo, com tradição em navegação. Elas são originalmente usadas na proa do barco com a função de afastar maus espíritos, assim evitando acidentes na viagem ou na pescaria. No Brasil, são produzidas principalmente nas regiões às margens do rio São Francisco. De formas e temas variados, as carrancas podem ser lindas sereias; animais ferozes; demônios e as vezes algo que não conseguimos definir. Tinha pânico quando era criança. Havia uma carranca gigantesca no hall do prédio onde morava uma tia avó e jamais me atrevi a chegar perto dela. Quando aprendi que por trás da careta existe uma nobre intenção, perdi o medo e passei a admira-las. Quem tem carrancas em casa deve colocá-las com o rosto virado pra porta de entrada para garantir que nenhum mau pensamento entre no lar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário